banner

A Saúde e a Doença do Zodíaco


A astrologia pode ser ferramenta de ajuda a medicina desvendando os pontos frágeis dos 12 signos


Cada signo do Zodíaco está associado a uma parte diferente do corpo, que é a mais sensível e vulnerável à dor, devendo ser a área onde colocaremos mais atenção. O planeta regente de cada signo está também associado a partes do corpo e órgãos que devem ser observados.





Pontos frágeis do zodíaco


Áries: O signo rege o cérebro, por isso, os arianos costumam sofrer de dores fortes na região, como enxaquecas e sinusites. Os acidentes também tendem a afetar mais a cabeça, principalmente olhos e testa. As febres costumam ser mais freqüentes e altas, olhos cansados e problemas de pele no rosto, como acne e eczemas. Há tendência ainda para cortes e cicatrizes nesta região.



Touro: Taurinos regem a garganta e pescoço, sendo mais vulneráveis aos problemas de voz, nas cordas vocais e torcicolos no pescoço,  infecções na faringe e na laringe, problemas na tireóide e adenóide além de dores no pescoço. Como são vaidosos e pecam na alimentação, podem sofrer dos extremos: obesidade ou anorexia.



Gêmeos: Signo da comunicação, geminiano é mais suscetível aos problemas na fala, além de serem sensíveis na região do ombro e braços. Cansaço e tensão muscular podem acontecer nestas áreas. As mãos merecem atenção especial. . O órgão regido por eles é o pulmão e via respiratórias, fazendo com que as doenças respiratórias sejam mais recorrentes. Da parte externa, precisam ter cuidado dobrados com os braços, mãos e clavículas.

Câncer: O signo de câncer rege toda a parte digestiva do organismo, sendo mais propenso às gastrites e úlceras. A parte feminina também vulnerável, por isso é preciso atenção como problemas nas mamas, TPM, endometriose e outras doenças do aparelho ginecológico e reprodutivo. Outra característica é a somatização de sintomas – situação em que problemas psicológicos acabam manifestados por meio de sintomas físicos.As pessoas de signo Caranguejo estão fisicamente associadas ao peito. As mulheres em particular devem ter atenção a esta parte tão sensível e manter a vigilância médica para evitar problemas de saúde. Mamografias devem  São também muito sensíveis na barriga, tanto exteriormente como no interior, tendo tendência a sofrer de problemas de estômago e indigestões.


Leão: Leoninos regem o coração, o que faz com que os problemas cardíacos fiquem em evidência (infarto, anginas, acidente vascular cerebral e outras doenças coronarianas precisam de atenção especial). Outro ponto frágil e a coluna, um dos focos de dores do signo, como as dores ou cansaço lombar.. Por conseqüência a coluna também merece cuidados.


Virgem: É considerado o hipocondríaco do zodíaco, em seguida  vem Capricórnio. Tem como característica a somatização de sintomas. Rege o intestino, o que exige atenção especial para a área, devendo ter cuidado com aquilo que come, para evitar os distúrbios alimentares. São comuns os problemas gástricos e intestinais,  além da vesícula, a região abdominal e o colo. Prisão de ventre ou disenteria também são males freqüentes.




Libra: Librianos regem rim e precisam ficar atentos às doenças renais e do aparelho urinário (cistite é um exemplo). Problemas vasculares e de pele também são mais recorrentes. Como costumam falhar na alimentação, precisam de cuidado para o diabetes, já que a doença metabólica é um dos pontos vulneráveis do signo. A hidratação do corpo também deve ser um ponto importante para o libriano.


Escorpião: Rege a parte sexual, o que faz com que os problemas nos órgãos sexuais e reprodutores sejam mais vulneráveis. Hemorróidas também podem acontecer. Por ter como característica ser muito controlador, um dos pontos fracos é a prisão de ventre, além dos problemas com ciclos menstruais. A parte boa é que por ser um signo forte, tem forte poder de recuperação. São suscetíveis a doenças venéreas.

Sagitário: Coxas, fêmur, quadril e nádegas e são as áreas mais vulneráveis dos sagitarianos. Distensões musculares nestas zonas e problemas no nervo ciático são comuns. O fígado também é ponto fraco, assim como as câimbras. Costumam sofrer com o exagero na  alimentação e são mais suscetíveis ao colesterol alto e à obesidade.


Capricórnio: Os ossos e esqueleto são áreas vulneráveis  dos capricornianos Problemas de articulação, postura, artrite, tendões, osteoporose também são comuns. Joelhos e fragilidades nos dentes, unhas e pele são outras partes que merecem atenção. É necessário evitar o excesso de peso para não sobrecarregar os joelhos.


Aquário: O signo rege os tornozelos, tendões e calcanhares, áreas mais vulneráveis. Aquarianos também podem sofrer mais de problemas ligados aos aparelhos circulatórios (trombose, hipertensão), nervosismo (espasmos) e doenças no sangue. Como é um signo muito elétrico, pode ter palpitações. Alergia é outro ponto fraco. Podem sofrer roturas nos ligamentos, cãibras na barriga da perna ou lesões nestas áreas.



Peixes: Rege os pés (devendo ter cuidado com as solas e os dedos dos pés)  e é propenso aos problemas ligados ao sistema linfático. Vulnerabilidade maior às intoxicações (alimentares e medicamentosas), além dos vícios. A alergia também é mais comum nos piscianos como também os problemas ligados ao sono. Reagem bem aos tratamentos alternativos como homeopatia e acupuntura. São os mais suscetíveis a calmantes, remédios para dormir, para depressão, devendo ter moderação no seu consumo. Calos ou lesões no pé são comuns.



Nenhum comentário:

Postar um comentário